Blog da ABCD

Procedimentos Básicos para a Boa Saúde

Uma alimentação balanceada, com vários tipos de alimentos, como verduras, legumes, carnes, laticínios, frutas e cereais, é capaz de suprir as necessidades médias dos indivíduos. Uma boa medida é não ficar restrito a um só tipo, ou grupo de alimentos. Cada pessoa deve tentar se alimentar da maneira mais correta dentro de suas preferências e de suas condições no momento.

Na intricada cadeia de formação do corpo humano e de sua constituição, os nutrientes – proteínas, carboidratos, gorduras, vitaminas e sais minerais – têm papel fundamental e podem ser comparados ao material utilizado na construção de um prédio. Na falta de qualquer um deles, a obra estaciona naquele setor ou desanda de maneira geral. Assim sendo, eles são divididos em três grupos de elementos conhecidos como construtores, reguladores e energéticos.

Os construtores, ou plásticos, encontrados nas proteínas, minerais e na água (carne e derivados, leite, ovos e leguminosas), são fundamentais para a construção e reparação dos tecidos orgânicos, sintetizando as nossas próprias proteínas.

Os reguladores, presentes na água, minerais, celulose, vitaminas e proteínas – tirados de frutas e hortaliças – respondem pelos processos orgânicos e condições internas do corpo.

E os energéticos, por fim, que são fonte de calor e energia, retirados dos açúcares, gorduras e proteínas dos cereais e derivados.

Com esses três grupos de nutrientes incluídos na alimentação, obtém-se uma dieta equilibrada e completa.

Não existe na alimentação dos indivíduos com colite ulcerativa e doença de Crohn, alimentos permitidos e proibidos, há na verdade uma individualização, onde cada indivíduo é um ser único que deve ser assim tratado. Alguns alimentos podem ser excluídos temporariamente para uma melhor evolução do tratamento.

Não existem alimentos milagrosos. O importante é compor uma alimentação equilibrada, estabelecendo a harmonia entre o gasto de energia e as calorias ingeridas.

Alimentos Ricos Em Ferro De Origem Animal:

  • Fígado
  • Ostras
  • Rins
    Coração
  • Carne magra
  • Ave
  • Peixe

Alimentos Ricos Em Ferro de Origem Vegetal:

  • Leguminosas como feijão, ervilha, lentilha, soja e grão de bico
  • Verduras de folha verde escuro como brócolis, espinafre, couve manteiga, agrião, escarola
  • Frutas secas como ameixa, damasco, uva passa, amêndoa
  • Cereais integrais como arroz, aveia, trigo

Alimentos ricos em proteína:

  • ovos, carne bovina, aves e peixes
  • leite e derivados
  • grãos: feijão, ervilha, lentilha, grão de bico e soja

Principais fontes de fibras solúveis:

  • Leguminosas: feijão, lentilha, soja, ervilha, grão de bico
  • Sementes
  • Vários farelos: aveia, cevada, arroz
  • Algumas frutas: polpa de maçã e pêra, laranja, banana
  • Legumes

Principais fontes de fibras insolúveis:

  • Farelos de cereais: trigo, milho
  • Grãos integrais: pão integral, bolachas e torradas integrais, cereais
  • Nozes, amêndoas, amendoim
  • Frutas: principalmente quando ingeridas com a casca
  • Verduras folhosas

“A nutrição está sempre cuidando,
nem sempre curando,
mas será sempre considerada um benefício à saúde”

Por Nutricionista Maria Izabel Lamounier